Auxílio emergencial: datas de pagamento da segunda parcela devem sair ainda hoje


O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, disse ontem (07), que deve anunciar ainda nesta sexta-feira (8), o calendário da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 para trabalhadores informais, autônomos e microempreendedores individuais (MEIs). O chefe da pasta disse ainda que a extensão ao auxílio está em avaliação.

Depois de um choque de comunicação, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães foi mais cauteloso quanto às datas da segunda e terceira parcelas do auxílio emergencial.

Há algumas semanas ele havia anunciado que a segunda parte dos depósitos seriam antecipadas para trabalhadores do Cadastro Único. No entanto, o governo voltou atrás e disse que o adiantamento não ocorreria.

No início de abril, a Caixa divulgou o calendário de pagamentos de todas as parcelas do auxílio emergencial. De lá para cá, entretanto, as datas sofreram diversas alterações. Agora, existem diferentes calendários, um para cada tipo de público.

Os pagamentos são divididos em três tipos de beneficiários: inscritos no Cadastro Único até 20 de março, inscritos por site ou aplicativo do Caixa Auxílio Emergencial e beneficiários do Bolsa Família elegíveis para o auxílio. Entenda como funciona o cronograma de cada grupo.

O calendário já divulgado pela Caixa pode sofrer novas alterações hoje, mas até então a previsão era a seguinte:

Cadastro Único e solicitantes por site ou aplicativo do Auxílio Emergencial - de 27 a 30 de abril

  • Dia 27 seria depositado o dinheiro daqueles nascidos em janeiro, fevereiro e março.

  • Dia 28 seria a vez dos nascidos em abril, maio e junho.

  • Dia 29 receberiam os aniversariantes de julho, agosto e setembro.

  • No dia 30, os pagamentos seriam para os nascidos em outubro, novembro e dezembro.

Bolsa Família - últimos 10 dias úteis de maio

  • Reservados para beneficiários do Bolsa Família, conforme cronograma já previsto no programa, de acordo com o número do NIS.

Saques para conta digital

A expectativa é que o banco informe também hoje as datas de saque para os trabalhadores que receberam o benefício pela Conta Poupança Social da Caixa, criada especialmente para este programa.

Ela é reservada para aqueles que não possuíam conta em banco ou não a informaram na hora de pedir o auxílio.

Correntistas da Caixa, Banco do Brasil e outros bancos não precisam seguir este calendário específico para saque. A Caixa informou que o dinheiro depositado nas contas digitais gratuitas ficará disponível para uso por 90 dias, depois disso ele volta para o governo. Todas as movimentações da conta digital, como transferências, pagamentos de contas e saque, só podem ser feitas pelo aplicativo Caixa Tem.

Após várias reclamações, o app ganhou uma nova versão, mas vários beneficiários continuam relatando problemas para movimentar o dinheiro do auxílio.

Terceira parcela - maio/junho

Caixa também havia informado à imprensa das datas da terceira parcela. Mas ainda não confirmou se seguem as mesmas. Até então, o cronograma era como está abaixo.

  • Entre 26 e 29 de maio: Receberiam todos aqueles na base de dados do Cadastro Único e os que se inscreveram no pelo site ou aplicativo do auxílio emergencial. Dia 26 de maio será depositado o dinheiro daqueles nascidos em janeiro, fevereiro e março. Dia 27 de maio é a vez dos nascidos em abril, maio e junho. Dia 28 de maio recebem os aniversariantes de julho, agosto e setembro. No dia 29 de maio, os pagamentos serão para os nascidos em outubro, novembro e dezembro.

  • Últimos 10 dias úteis de junho: Reservados para beneficiários do Bolsa Família, conforme cronograma já previsto no programa.

#relatopb

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb