Bolsonaro se irrita ao ser perguntado sobre ‘cola’ e abandona entrevista


O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, concedia uma entrevista coletiva a jornalistas no estúdio da RedeTV! em Osasco (SP), após o segundo debate entre os presidenciáveis quando foi perguntado sobre a “cola” que leu na própria mão antes de fazer uma pergunta a Marina Silva (Rede). Ele se irritou e mandou o repórter “plantar batatas”.

“Você sabe o que está escrito aqui? Quer saber? Quer saber a cor mais o quê? A cor da minha cueca? Vai plantar cebola, vai plantar batata”, disparou, interrompendo as respostas e se encaminhando para deixar o estúdio. Imediatamente, apoiadores do candidato começaram a gritar e a tentar impedir a imprensa de prosseguir com os questionamentos.


Ainda deu tempo para mais uma pergunta. Bolsonaro foi questionado se considera o Japão como sendo um país seguro e disse que sim. Na sequência, ao ser perguntado sobre a rigorosa lei antiarmas do país, ele falou que a nação asiática é “mais segura” que o Brasil, mas que prefere, sobre o tema, a legislação de drogas dos Estados Unidos, antes de interromper a entrevista e se juntar aos seus apoiadores.

Na mão do candidato, por sinal, estavam apenas três palavras. “Pesquisa”, “Armas” e “Lula”.


fonte: veja.abril.com.br

#relatopb

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb