Pelé sobre Seleção Brasileira: "Não temos um coletivo forte"


Para Pelé , a Seleção Brasileira é uma das favoritas a ganhar a Copa do Mundo na Rússia . Porém, apesar de elogiar os talentos individuais do elenco convocado por Tite, o maior jogador de todos os tempos acredita que o treinador vai ter trabalho para fazer as peças funcionarem coletivamente.


"O Brasil sempre é um dos favoritos, mas a Argentina também vai se sair bem, eu acho. Como sempre, a Seleção tem alguns bons jogadores, mas nós não temos um coletivo forte", disse Pelé à revista inglesa GQ, em entrevista publicada na última segunda-feira.

"É possível achar pelo menos um brasileiro nos melhores times do mundo, como Neymar no PSG, Marcelo no Real Madrid, Philippe Coutinho no Barcelona e Roberto Firmino no Liverpool. Mas para Tite fazê-los funcionar como uma unidade vai ser difícil", completou.

Brasil como visitante


Pelé também lembrou o fato de a Seleção Brasileira ter conquistado todos os seus títulos mundiais como visitante, diferentemente do que ocorreu nas Copas de 1950 e de 2014, nas quais fracassou como anfitrião da competição. "Copa do Mundo é uma caixinha de surpresas. E as pessoas esquecem que o Brasil ganhou todos os cinco Mundiais dele como visitante. Nas duas edições que sediou, perdeu", recorda.


Tricampeão do torneio, o ex-atleta elegeu a seleção brasileira de 1970 como o melhor time do qual ele fez parte. "Em 1958 tínhamos jogadores muito especiais, como Garrincha e Vavá, mas acho que a melhor equipe era a de 1970, por ser mais completa. Eu me lembro que tínhamos três dos melhores camisas 10 do mundo: Gérson, Rivellino e Pelé. Diziam que não ia funcionar porque era muita gente para a mesma posição. Mas acabou sendo o melhor Brasil em que já joguei. Assim é o futebol", resumiu Pelé.

#relatopb #esporte

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb