Primeira etapa do Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Oito Baixos começa quarta-feira em Araruna


Começa na próxima quarta-feira (8), o 1º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos da Paraíba. A iniciativa, realizada pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) através da Pró-Reitoria de Cultura (Procult), abrange 10 etapas que passarão por todos os câmpus da Instituição e ainda outras localidades que externaram seu desejo de integrar o empreendimento.

A primeira etapa do projeto terá como sede o Câmpus VIII da UEPB, situado em Araruna. A programação conta com vários momentos e abrangerá a “Anunciação”, quando, no pátio do Câmpus, ocorrerão apresentações com emboladores de coco e com o mestre de cerimônias Jerimum; “Acolhida”, contando com a recepção, inscrições e o café da manhã; “Abertura”, com as boas-vindas; “Apresentação dos Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos”, “Aula Espetáculo e Oficina com Luizinho Calixto”, almoço e “Mostra dos Sanfoneiros”, com uma exibição coletiva dos artistas.

Estarão nessa etapa o pró-reitor de Cultura, José Cristóvão Andrade, e o pró-reitor adjunto, José Benjamim Pereira Filho, bem como uma grande comitiva que sairá do Câmpus I da UEPB, em Campina Grande, composta por emboladores de coco, pelo assistente da curadoria de Música do Museu de Arte Popular da Paraíba (MAPP), Sandrinho Dupan, por Fredi Guimarães e Canário do Império, músicos do Centro Artístico Cultural, além de uma equipe da Procult.

De acordo com Luizinho Calixto, diversos aspectos serão abordados na Oficina e na Aula Espetáculo. Entre eles figuram a origem dos instrumentos, afinação, técnicas e experiências. “Faremos também um passeio por todos os ritmos, mostrando que a sanfona não necessariamente está vinculada à música regional, o que de certa forma é um mito, pois ela pode estar presente em vários gêneros”, destacou.

Em todas as etapas do Encontro haverá um coordenador local. Em Araruna, a função será ocupada pelo poeta Lino Sapo. Almeja-se com isso proporcionar um maior pertencimento daqueles que sediam a empreitada, bem como, através do olhar de cada coordenador, conhecer melhor as peculiaridades artísticas de cada região.

O 1º Encontro de Sanfoneiros e Tocadores de Fole de Oito Baixos da Paraíba tem o objetivo principal de elevar uma das mais importantes atividades artísticas do Nordeste e do Brasil, responsável direta pela preservação e divulgação da cultura popular. A proposta fez tanto sucesso que inicialmente seria efetivada apenas nos oito campi da UEPB, mas obteve a adesão de outras localidades, a exemplo de São Vicente do Seridó e Itabaiana. Existe a possibilidade que o projeto seja estendido e ocorra também no próximo semestre de 2017.

Conforme o calendário do Encontro, as próximas etapas acontecerão em João Pessoa (15/03), Lagoa Seca (17/03), Patos (05/04), Monteiro (07/04), Catolé do Rocha (19/04), Guarabira (25/04), Itabaiana (28/04), São Vicente do Seridó (05/05) e Campina Grande (12/05).

por uepb.edu.br

Texto: Oziella Inocêncio

#relatopb

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb