TJ determina que delegada suspeita de desvio de fiança retorne ao trabalho, na PB


A delegada Maria Soledade, que estava afastada do trabalho na Polícia Civil do Estado desde abril do ano passado, suspeita de desviar valores provenientes de pagamentos de fiança, deverá voltar ao cargo após decisão unânime da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba. O afastamento da delegada havia sido determinado pelo juiz Gustavo Procópio, titular da 5ª Vara de Santa Rita, na Grande João Pessoa, com base em denúncia ofertada pelo Ministério Público Estadual. Segundo o processo, a delegada teria se apropriado de valores que lhe foram entregues a título de fianças de autos de prisões em flagrante.

Com a decisão do TJPB, Maria Soledade disse que estava feliz e que a verdade está prevalecendo.


por portal correio

#relatopb

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb