Homem é morto a tiros e tem corpo decapitado e decepado na Paraíba


Um homem ainda não identificado foi assassinado na noite de terça-feira (24) na zona rural do município de Lagoa Seca, no Agreste paraibano. A vítima foi morta a tiros, mas também foi decapitada e ainda teve membros decepados com golpes de faca e facão. O crime ocorreu no sítio Floriano, na zona rural, e três pessoas que estavam no local foram detidas e levadas para a delegacia. No momento da abordagem um suspeito ainda chegou a atirar contra os policiais.


De acordo com a Polícia Militar, o órgão foi acionado com informações de que havia um som ligado em alto volume em uma casa com movimentação estranha. Os policiais chegaram à residência a pé, para não serem percebidos, mas no momento da aproximação o som na casa foi desligado e a pessoas começaram a sair.


A Polícia Militar informou que ordenou a parada, mas as pessoas correram e uma delas chegou a atirar em direção aos policiais. O primeiro suspeito a ser preso tentava fechar o portão da casa no momento da chegada da polícia.

Dentro da casa, a Polícia Militar encontrou o corpo do homem que estava decapitado e com membros descepados. Havia muito sangue no local. Também foram apreendidas duas espingardas de calibres 32 e 12 e ainda garrafas de bebidas alcoólicas. Próximo à casa, a polícia ainda conseguiu apreender um adolescente e prender outro homem.


Segundo a Polícia Militar, os três suspeitos confessaram que estavam dentro da casa e afirmaram que a vítima teria sido morta por dois homens que utilizaram uma pistola, uma faca do tipo peixeira e um facão. Nenhum dos suspeitos conduzidos informou qual teria sido a motivação do crime, mas todos destacaram que a vítima teria ido ao local espontaneamente, pois era conhecido do grupo.


A Polícia Militar também informou que a casa onde o crime ocorreu conta com sistema de segurança com cercas elétricas e câmeras de monitoramento. Outras pessoas que estariam na casa também já foram identificadas e as polícias Civil e Militar continuam realizando buscas ao longo da manhã desta quarta-feira (25).

#relatopb

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb