Sérgio Cabral, a mulher dele e mais cinco são denunciados na Lava Jato



O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB) e mais seis pessoas foram denunciados nesta sexta-feira (16) em Curitiba no âmbito da Operação Lava Jato. De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), o grupo teve envolvimento no pagamento de vantagens indevidas a partir do contrato da Petrobras com o Consórcio Terraplanagem Comperj, formado pelas empresas Andrade Gutierrez, Odebrecht e Queiroz Galvão.


A força-tarefa da Lava Jato pede o ressarcimento, em prol da Petrobras, de R$ 2.700.000,00. A partir de agora, cabe ao juiz Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância, decidir se aceita ou não a denúncia. Se isso ocorrer, todos passam a ser réus.


Lista de denunciados:

Sérgio Cabral - ex-governador do Rio de Janeiro: corrupção passiva e lavagem de dinheiro Adriana Ancelmo - mulher de Cabral: corrupção passiva e lavagem de dinheiro Wilson Carlos - secretário do governo do Rio de Janeiro durante a gestão de Cabral: corrupção passiva e lavagem de dinheiro Mônica Carvalho - esposa de Wilson Carlos lavagem de dinheiro Carlos Emanuel Miranda - sócio do ex-governador Sérgio Cabral: corrupção passiva e lavagem de dinheiro Rogério Nora - ligado a Andrade Gutierrez: corrupção ativa Clóvis Primo - ligado a Andrade Gutierrez: corrupção ativa


"Os denunciados Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo, Wilson Carlos e Carlos Miranda receberam a vantagem indevida, a qual foi paga em 3 (três) parcelas, a primeira, no dia 18 de outubro de 2008 e, as demais, possivelmente, nos dias 03 de março de 2009 (SP), 10 de março de 2009 (SP), 12 de janeiro de 2009 (RJ) e 14 de janeiro de 2009 (RJ). Em consequência da promessa e da vantagem indevida oferecida, e, posteriormente, paga, Paulo Roberto Costa, em relação a licitações e contratos celebrados pela Andrade Guiterrez com a Petrobras", diz trecho da denúncia.


Fonte: g1.globo.com

Foto: g1.globo.com



#relatopb

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb