Helicóptero cai e mata noiva a caminho de casamento


A perícia apura a causa do acidente que matou quatro pessoas em uma queda de um helicóptero em São Lourenço da Serra, em São Paulo. Entre as vítimas está uma noiva que estava a caminho do seu casamento. Ela pretendia fazer uma surpresa para o futuro marido, que soube do acidente enquanto esperava a noiva no altar.


Além da mulher, o piloto Peterson Pinheiro, o irmão da noiva, Silvano Nascimento da Silva e a fotógrafa Nayla Cristina Neves Lousada também morreram na queda do helicóptero. Nayla estava grávida de seis meses.


O noivo não sabia do voo de helicóptero. Apenas o dono do buffet e responsável pela organização da festa, Carlos Eduardo Batista sabia. Ele estranhou a demora na chegada da noiva e entrou em contato com a empresa responsável pelo helicóptero, que informou da queda.

“Chamei o pastor que estava na cerimônia e ele foi comigo comunicar para tentar acalantar o noivo. Ele ficou em estado de choque. Depois, os demais convidados [cerca de 300] souberam e ninguém sabia como agir. Foi uma tragédia”, disse Carlos.

#relatopb

RelatoPB

Aqui se fala

© 2016 por "RelatoPB". Orgulhosamente criado por relatopb